5. O discípulo e missionário vive no Espírito

Disseram os bispos, no documento de Aparecida: "Bendito seja Deus, Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, que nos abençoou com toda sorte de bênçãos na pessoa de Cristo (cf. Ef 1,3). O Deus da Aliança, rico em misericórdia, nos amou primeiro; imerecidamente amou a cada um de nós; por isso o bendizemos, animados pelo Espírito Santo, Espírito vivificador, alma e vida da Igreja. Ele, que foi derramado em nossos corações, geme e intercede por nós e, com seus dons nos fortalece em nosso caminho de discípulos e missionários." (DAp 24).

O que o texto me diz?
Diz que o caminho do discípulo e missionário é abençoado "com toda sorte de bênçãos". Deus o amou por primeiro. Não foi o discípulo que o escolheu, mas o Senhor Deus foi quem o escolheu, o amou, o animou com seu Espírito. É este Espírito que "foi derramado" em seu coração, "geme e intercede" por ele. E mais: com seus "dons" ou carismas "fortalece o caminho" do discípulo e missionário.
Em momento de silêncio, durante esta semana, vou refletir sobre as palavras que estão entre aspas. Tomo consciência de que sou também discípulo/a e missionário/a que vive no e do Espírito.

O que o texto me leva a dizer a Deus?
Faço,
com toda a Igreja, a
Oração do Brasil na missão continental


Senhor, Deus da vida e do amor,
enviastes o vosso Filho
para nos libertar das forças da morte
e conduzir-nos no caminho da esperança.
Movei-nos pelo dom do vosso Espírito!
Fazei-nos discípulos, comprometidos
com o anúncio do Evangelho em nossa Pátria,
em comunhão com a Missão Continental.
Fazei-nos missionários,
caminhando ao encontro de nossos irmãos e irmãs,
acolhendo a todos,
sobretudo os jovens, os afastados, os pobres, os excluídos.
Virgem Mãe Aparecida,
Intercedei junto ao vosso Filho,
para que sejamos fiéis ao nosso compromisso
de discípulos missionários. Amém!

Nenhum comentário: