11. "Grande novidade" do discípulo de Jesus

O que diz o texto?
Os bispos na Conferência de Aparecida, disseram: " O chamado que Jesus, o Mestre faz, implica numa grande novidade. Na antiguidade, os mestres convidavam seus discípulos a se vincular com algo transcendente e os mestres da Lei propunham a adesão à Lei de Moisés. Jesus convida a nos encontrar com Ele e a que nos vinculemos estreitamente a Ele porque é a fonte da vida (cf. Jo 15,1-5) e só Ele tem palavra de vida eterna (cf. Jo 6,68). Na convivência cotidiana com Jesus e na confrontação com os seguidores de outros mestres, os discípulos logo descobrem duas coisas originais no relacionamento com Jesus. Por um lado, não foram eles que escolheram seu mestre foi Cristo quem os escolheu. E por outro lado, eles não foram convocados para algo (purificar-se, aprender a Lei...), mas para Alguém, escolhidos para se vincular intimamente a sua pessoa (cf. Mc 1,17; 2,14). Jesus os escolheu para “que estivessem com Ele e para enviá-los a pregar” (Mc 3,14), para que o seguissem com a finalidade de “ser d’Ele” e fazer parte “dos seus” e participar de sua missão. O discípulo experimenta que a vinculação íntima com Jesus no grupo dos seus é participação da Vida saída das entranhas do Pai, é se formar para assumir seu estilo de vida e suas motivações (cf. Lc 6,40b), viver seu destino e assumir sua missão de fazer novas todas as coisas.(DAp 131).
O que o texto me diz?
O texto fala da grande novidade de ser discípulo de Jesus:
encontrar com Ele e
que nos vinculemos estreitamente a Ele porque é a fonte da vida (cf. Jo 15,1-5)
- que só Ele tem palavra de vida eterna (cf. Jo 6,68).
- Fala da convivência cotidiana com Jesus
- da confrontação com os seguidores de outros mestres,
- da descoberta de duas coisas originais no relacionamento com Jesus;
1a.  Não foram os discípulos que escolheram seu mestre. Foi Cristo quem os escolheu.
2a  Eles não foram convocados para algo (purificar-se, aprender a Lei...), mas para Alguém, escolhidos para se vincular intimamente a sua pessoa (cf. Mc 1,17; 2,14).
- Para que Jesus os escolheu?
-  para “que estivessem com Ele e para enviá-los a pregar” (Mc 3,14),
- com a finalidade de “ser d’Ele” e fazer parte “dos seus” e participar de sua missão.
- viver seu destino e assumir sua missão de fazer novas todas as coisas.(DAp 131).

Agora, me pergunto:
é assim que vivo meu ser discípulo?

O que o texto me leva a dizer a Deus?

Faço, com toda a Igreja, a
Oração do Brasil na missão continental
Senhor, Deus da vida e do amor,
enviastes o vosso Filho
para nos libertar das forças da morte
e conduzir-nos no caminho da esperança.
Movei-nos pelo dom do vosso Espírito!
Fazei-nos discípulos, comprometidos
com o anúncio do Evangelho em nossa Pátria,
em comunhão com a Missão Continental.
Fazei-nos missionários,
caminhando ao encontro de nossos irmãos e irmãs,
acolhendo a todos,
sobretudo os jovens, os afastados, os pobres, os excluídos.
Virgem Mãe Aparecida,
Intercedei junto ao vosso Filho,
para que sejamos fiéis ao nosso compromisso
de discípulos missionários. Amém!

Nenhum comentário: