6. Deus nos revela seu Projeto de vida, nos ama e nos chama

Disseram os bispos, no documento de Aparecida: "Por assim dizer, Deus Pai sai de si, para nos chamar a participar de sua vida e de sua glória. Mediante Israel, povo que fez seu, Deus nos revela seu projeto de vida. Cada vez que Israel procurou e necessitou de seu Deus, sobretudo nas desgraças nacionais, teve uma singular experiência de comunhão com Ele, que o fazia partícipe de sua verdade, sua vida e sua santidade. Por isso, não demorou em testemunhar que seu Deus – diferentemente dos ídolos – é o “Deus vivo” (Dt 5,26) que o liberta dos opressores (cf. Ex 3,7-10), que perdoa incansavelmente (cf. Ec 34,6; Eclo 2,11) e que restitui a salvação perdida quando o povo, envolvido “nas redes da morte” (Sl 116,3), dirige-se a Ele suplicante (Cf. Is 38,16). Deste Deus – que é seu Pai – Jesus afirmará que “não é um Deus de mortos, mas de vivos” (Mc 12,27).
Nestes últimos tempos, Ele nos tem falado por meio de Jesus seu Filho (Hb 1,1ss), com quem chega a plenitude dos tempos (cf. Gl 4,4). Deus, que é Santo e nos ama, nos chama por meio de Jesus a ser santos (cf. Ef 1,4-5). (DAp 129-130).

O que o texto me diz?

Diz que Deus "nos revela seu projeto de vida". Deus o amou por primeiro. O povo sempre que o procurou "teve uma singular experiência de comunhão com Ele", e se tornou "partícipe de sua verdade, sua vida e sua santidade". Falou também Deus às pessoas por meio do seu Filho Jesus Cristo. Por meio dele "Deus, que é Santo e nos ama, nos chama para sermos santos".
 Em momento de silêncio, durante esta semana, vou refletir sobre as palavras que estão entre aspas. Tomo consciência de que sou também discípulo/a e missionário/a que vive no e do Espírito.

O que o texto me leva a dizer a Deus?
Faço,
com toda a Igreja, a
Oração do Brasil na missão continental
Senhor, Deus da vida e do amor,
enviastes o vosso Filho
para nos libertar das forças da morte
e conduzir-nos no caminho da esperança.
Movei-nos pelo dom do vosso Espírito!
Fazei-nos discípulos, comprometidos
com o anúncio do Evangelho em nossa Pátria,
em comunhão com a Missão Continental.
Fazei-nos missionários,
caminhando ao encontro de nossos irmãos e irmãs,
acolhendo a todos,
sobretudo os jovens, os afastados, os pobres, os excluídos.
Virgem Mãe Aparecida,
Intercedei junto ao vosso Filho,
para que sejamos fiéis ao nosso compromisso
de discípulos missionários. Amém!

Nenhum comentário: