28. Lugar de encontro com Jesus Cristo:nos pobres, aflitos e enfermos

O que diz o texto?


O que o texto me diz?
"Também o (Jesus Cristo) encontramos de um modo especial nos pobres, aflitos e enfermos (cf. Mt 25,37-40), que exigem nosso compromisso e nos dão testemunho de fé, paciência no sofrimento e constante luta para continuar vivendo. Quantas vezes os pobres e os que sofrem realmente nos evangelizam! No reconhecimento desta presença e proximidade e na defesa dos direitos dos excluídos encontra-se a fidelidade da Igreja a Jesus Cristo. O encontro com Jesus Cristo através dos pobres é uma dimensão constitutiva de nossa fé em Jesus Cristo. Da contemplação do rosto sofredor de Cristo neles e do encontro com Ele nos aflitos e marginalizados, cuja imensa dignidade Ele mesmo nos revela, surge nossa opção por eles. A mesma união a Jesus Cristo é a que nos faz amigos dos pobres e solidários com seu destino.” (DAp 257).

O texto fala de outro  lugar de encontro com Jesus Cristo, os pobres:
-   encontramos de um modo especial nos pobres, aflitos e enfermos (cf. Mt 25,37-40). 
-  os pobres nos evangelizam .
- na defesa dos direitos dos excluídos encontra-se a fidelidade da Igreja a Jesus Cristo
- encontro com Jesus Cristo através dos pobres é uma dimensão constitutiva de nossa fé em Jesus Cristo
É assim que vivo a  vivo a minha fé? Como vejo e trato os pobres?
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Faço, com toda a Igreja, a
Oração do Brasil na missão continental
Senhor, Deus da vida e do amor, enviastes o vosso Filho  para nos libertar das forças da morte 
e conduzir-nos no caminho da esperança.
Movei-nos pelo dom do vosso Espírito!
Fazei-nos discípulos,
comprometidos com o anúncio do Evangelho em nossa Pátria,
em comunhão com a Missão Continental.
Fazei-nos missionários,
caminhando ao encontro de nossos irmãos e irmãs,
acolhendo a todos, sobretudo os jovens,
os afastados, os pobres, os excluídos.
Virgem Mãe Aparecida,
Intercedei junto ao vosso Filho,
para que sejamos fiéis ao nosso compromisso de discípulos missionários.
Amém!
(continuaremos refletindo sobre os lugares de encontro com Jesus Cristo)


27. Lugar de encontro com Jesus Cristo:na comunidade viva na fé

O que diz o texto?

O que o texto me diz?
"Jesus está presente em meio a uma comunidade viva na fé e no amor fraterno. Ali Ele cumpre sua promessa: “Onde estão dois ou três reunidos em meu nome, ali estou eu no meio deles” (Mt 18,20). Ele está em todos os discípulos que procuram fazer sua a existência de Jesus, e viver sua própria vida escondida na vida de Cristo (cf. Cl 3,3). Eles experimentam a força de sua ressurreição até se identificar profundamente com Ele: “Já não vivo eu, mas é Cristo que vive em mim” (Gl 2,20). Jesus está nos Pastores, que representam o próprio Cristo (cf. Mt 10,40; Lc 10,16). “Os Bispos tem sucedido, por instituição divina, aos Apóstolos, como Pastores da Igreja, de modo que quem os escuta, escuta a Cristo, e quem os despreza, despreza a Cristo e a quem ele enviou” (Lumen Gentium, 20”. Está naqueles que dão testemunho de luta por justiça, pela paz e pelo bem comum, algumas vezes chegando a entregar a própria vida em todos os acontecimentos da vida de nossos povos, que nos convidam a procurar um mundo mais justo e mais fraterno em toda realidade humana, cujos limites às vezes causam dor e nos agoniam.” (DAp 256).
O texto fala de outro  lugar de encontro com Jesus Cristo, a oração pessoal e comunitária:
-   Ele está em todos os discípulos que procuram fazer sua a existência de Jesus-  leva a assumir a vontade do Pai
- na comunidade que busca viver sua própria vida escondida na vida de Cristo .
- Jesus está nos Pastores, que representam o próprio Cristo
- Está naqueles que dão testemunho de luta por justiça, pela paz e pelo bem comum
 
É assim que vivo a  comunidade?
O que o texto me leva a dizer a Deus?
Faço, com toda a Igreja, a
Oração do Brasil na missão continental
Senhor, Deus da vida e do amor, enviastes o vosso Filho  para nos libertar das forças da morte  
e conduzir-nos no caminho da esperança.
Movei-nos pelo dom do vosso Espírito!
Fazei-nos discípulos,
comprometidos com o anúncio do Evangelho em nossa Pátria,
em comunhão com a Missão Continental.
Fazei-nos missionários,
caminhando ao encontro de nossos irmãos e irmãs,
acolhendo a todos, sobretudo os jovens,
os afastados, os pobres, os excluídos.
Virgem Mãe Aparecida,
Intercedei junto ao vosso Filho,
para que sejamos fiéis ao nosso compromisso de discípulos missionários.
Amém!
(continuaremos refletindo sobre os lugares de encontro com Jesus Cristo)